Category: Seguros


Seguro residencial caixa economica federal


O que é o pagamento de franquia no seguro residencial?

A franquia se trata de um valor que o segurado tem de pagar todas as vezes que um sinistro acontecer. Esse valor está fixado na apólice de seguro e quando seu valor é menor que esse limite apenas o segurado arca com o prejuízo. Mas quando ele é superior o segurado para até o limite e o restante fica por conta da seguradora.

seguro de residencial bradesco

seguro residencial bradesco

Tenho uma geladeira que se danificou por causa de um raio que acabou atingindo minha rede elétrica. Como possuo um seguro residencial esse dano entra na cobertura destinada a danos elétricos ou a queda de raios?

Existe uma cobertura que se destina a cobrir danos que tenham sido ocasionados pela queda de raio. Ao contrata-la, o segurado tem direito a reparar os danos que tenham sido causados as paredes, telhados, aparelhos eletroeletrônicos e outros prejuízos decorrentes pela queda de rio no terreno da residência. Também existe uma cobertura destinada a cobrir danos elétricos causados aos enrolamentos, conduítes, fios, chaves, aparelhos elétricos, circuitos e materiais de acabamento causado pelo calor gerado no acidente elétrico. Também estão inclusos o prejuízo que um raio tenha provocado ao cair fora da área da residência segurada.

seguro tokio marine

tokio marine seguro

Não realizei o pagamento de uma das parcelas por me encontrar em dificuldade financeira. Caso aconteça algum sinistro eu não terei direito a indenização?

Se o segurado estiver com uma das parcelas vencidas e aconteça um sinistro ele pode ou não ter direito a receber a indenização. Isso depende da quantidade de parcelas e da data que o sinistro aconteceu. Se o sinistro acarretar em perda total do imóvel e ainda existirem algumas parcelas a se vencer a seguradora pode realizar o pagamento da indenização, mas deduzir o valor das parcelas que não foram quitadas. Caso tenha o atraso de alguma parcela ou do prêmio às seguradoras enviam um aviso de cancelamento do seguro ao seu segurado por falta de pagamento. Mas se algum prêmio foi pago o período de validade da apólice passa a ser proporcional ao valor que teve seu pagamento realizado. Nesse caso, a chance do segurado perder a indenização é maior, mais isso depende de certas circunstancias, condições e datas que constam na apólice de seguro.


Coberturas seguro residencial


Quando contrato um seguro residencial o que fica coberto?

A divisão desse tipo de seguro é duas: nas principal serão cobertos os danos e prejuízos que tenham sido causados por incêndio, raio, gás que se aplica ao uso doméstico desde que sua geração não tenha ocorrido em locais segurados e suas eventuais consequências como, por exemplo, a despesa advinda do combate ao fogo e o desmoronamento. Mas existem outras coberturas que fica a critério do segurado escolher sua contratação ou não como é o caso dos danos decorrentes de vendaval, danos elétricos, queda de aeronaves entre outros.

maritima seguros residencial

maritima seguros

Moro num condomínio e gostaria de contratar o seguro residencial.

Isso é possível ou somente o seguro condominial vai me proteger de eventuais danos que minha casa venha a sofrer?

O seguro residencial e o condominial são diferentes, pois enquanto o segundo oferece cobertura contra incêndio, roubo e outras ocorrências que aconteçam nas áreas comuns, acidentes e ate o seguro de vida dos funcionários, o seguro residencial oferece cobertura para danos que aconteçam da porta da residência para dentro. Nesse caso, o proprietário precisa fazer uma relação de todos os bens que tenham maior valor e que se encontram presentes no interior da residência bem como apresentar suas respectivas notas fiscais. Basicamente, essas são as diferenças existentes entre esses seguros. Por esse motivo, é uma boa ideia do proprietário do imóvel que reside num condomínio contratar um seguro para a sua casa já que os seus bens estarão mais seguros.

  1. Abri um negócio para mim num espacinho da minha casa que por sinal tem o seguro residencial contratado. Caso aconteça algo com meu negócio a seguradora arca com o prejuízo?

Nos casos que o segurado possui um escritório na sua residência e um incêndio ou explosão acontece em uma parte da casa a seguradora arca com os danos decorrentes desse sinistro. Para as pessoas que trabalham em sua residência é essencial realizar a cobertura especial para isso já que os seguros normais não possuem qualquer cobertura para isso.


Qual o melhor seguro residencial?


Você sabe qual é o melhor seguro residencial do mercado?

 

  • Tem alguma cobertura que possa ser contratada no seguro residencial que vise cobrir os danos que são causados pela inundação ou alagamento?

Entre todas as coberturas adicionais existentes há uma que se destina a cobrir os danos ou perdas que tenham sido ocasionadas por uma inundação ou alagamento. Se acontecer de uma residência que tenha esse seguro ser invadida por água de enchente, chuva, aguaceiro, inundação causada pelo aumento dos rios e canais, tromba d’água rompimento de adutora ou reservatório ou canalização que não faça parte do imóvel a cobertura é garantida.

  • Quando fui financiar minha casa tive de contratar o seguro residencial. Isso quer dizer que se acontecer alguma coisa com minha casa receberei o valor da indenização?

Nos casos que um imóvel é financiado ele possui a cobertura do seguro residencial. Se acontecer qualquer tipo de dano que a cobertura tenha sido contratada o segurado tem direito a receber a indenização da seguradora que foi contratada. Mas além disso, um imóvel financiado que foi danificado ainda tem  a seguradora do banco que realizou o financiamento e por esse motivo ela também responde pelo prejuízo provocado a estrutura do prédio. Ou seja, o segurado terá direito a receber duas indenizações: uma através da seguradora do banco que foi contratada e outra pela seguradora contratada.

  • Sou fascinado por tecnologia e somente adquiro produtos de ultima geração. Esse fim de semana fiz uma pequena viagem e ao retornar percebi que estavam faltando alguns itens na minha casa. O fato de ter contratado um seguro residencial há alguns meses me dá o direito de acionar a seguradora para que ela pague a indenização por esses itens?

Para se garantir dos prejuízos sofridos por furto ou roubo é necessário que o segurado contrate o seguro adicional de roubo e furto. Somente dessa forma é que a cobertura para essa ocasião poderá ser utilizada lembrando que o limite do valor a ser indenizado está na própria apólice de seguro. Mas é preciso que haja algum vestígio do que tenha acontecido no local como uma janela arrombada ou ladrão que invadiu a casa e fez ameaças a quem se encontrava na mesma, por exemplo. somente os objetos que estão definidos na apólice é que serão indenizados desde que não pertençam a lista de exclusão da seguradora.

 

sulamerica seguro residencial

sulamerica residencial

qual o melhor seguro residencial

melhor seguro residencial


Simular seguro de carro


As companhias de seguro aceitam sempre automaticamente as apólices?

Não são todos os donos de carros que conseguem uma cobertura quando procuram a seguradora. De fato, muitas pessoas precisam passar por várias corretoras até que consigam que se faça uma cobertura, geralmente devido ao tipo de veículo: existem alguns que são roubados com muita frequência e isso faz com que a seguradora já imagine que terá sinistro.

Também existem bairros nos quais a incidência desses roubos é muito grande, bem como de acidentes. Dessa maneira, a corretora também pode negar a cobertura, considerando para isso também a idade do condutor: os carros que serão guiados por pessoas muito novas são candidatos a não serem protegidos.

apólice de automóvel

apólice de seguro automóvel

Quando é que um segurado tem a chamada indenização total?

Os sinistros sempre ocasionam uma indenização que a seguradora vai passar ao contratante. No entanto, essa indenização poderá ser total ou não, sendo a total quando os danos que o automóvel tem custam mais de 75% do que foi decidido na apólice. Por isso, se esse documento está determinando R$ 5.000,00 como franquia e o dano no veículo vai custar mais de 75% disso para ser consertado, então se diz que há uma indenização total.

A seguradora não pode contestar quando existe esse tipo de indenização, desde que as pessoas comprovem a ela que é esse mesmo o custo do reparo e que elas tenham a apólice para confirmar também o valor.

Como é que as seguradoras atualizam os valores do seguro auto?

Normalmente, as corretoras usam a tabela FIPE como um dos parâmetros para pensar nos valores das apólices. Além disso, os valores das oficinas e os preços que as peças dos veículos têm também são considerados para que de determine o preço de uma apólice. Por isso, se as oficinas começarem a cobrar valores menores para tratar dos sinistros, as corretoras têm de reduzir a franquia ou as mensalidades.

Quando as peças ficam mais difíceis de serem compradas ou as oficinas sobem o valor das suas manutenções, esses ajustes passam para a cobertura. Contudo, as apólices podem ser alteradas apenas quando o contrato acaba.


Cotação seguro de automóvel


Por quanto tempo um seguro auto é válido?

As companhias de seguro podem personalizar a duração da cobertura, mas no comum é que a apólice sempre traga 1 ano como o tempo de proteção. Esse é o tempo durante o qual existe ressarcimento se ocorre sinistro e, de acordo com a corretora, até assistência jurídica se existe algum acidente.

Quando se fala que a validade pode ser personalizada, isso é porque alguns indivíduos escolhem novas coberturas depois de já estar com uma apólice em andamento. Assim, as proteções que já estavam inseridas já tiveram um pouco da sua validade usada, mas as coberturas novas ainda não.

Para que os segurados mudem de cobertura, eles são cobrados?

Uma vez que cada corretora de seguro auto tem os seus preços para as coberturas, vai depender de quanto era cobrado pela primeira proteção e de quanto vai ser cobrado pela segunda, além de quanto tempo de apólice esse cliente ainda teria. Se a troca ocasionar prejuízo para a companhia de seguros, é possível que ela queira cobrar alguma taxa.

No caso de essa mudança de cobertura acontecer quando se finaliza a apólice anterior, não existe razão para que a corretora de seguros cobre esse tipo de taxa. No entanto, é sempre importante que os clientes questionem a sua corretora antes de selecionarem outra proteção para não serem surpreendidos.


Seguro de carro porto seguro


Os seguros para carros podem ter que tipo de serviços?

Algumas partes dos veículos poderão ser protegidas de forma independente quando se tem um seguro para carros. Um exemplo de itens para os quais se pode comprar uma proteção específica é a lanterna: como a troca dessa parte pode ser cara e alguns veículos não têm as suas lanternas para vender em qualquer lugar, essa cobertura é mesmo muito importante.

Os trabalhadores que atendem utilizando os seus automóveis têm uma assistência própria para eles: a companhia seguradora paga algumas diárias e o preço delas será achado na apólice. Ressalva-se que a companhia pode usar o dia de maior e o de menor lucro para criar uma média e colocar esse valor como a indenização diária.

seguro para carros porto seguro

seguro de carro porto seguro

E se ocorrer algum desastre natural? O segurado será atendido?

O desastre natural que mais acomete os carros é a enchente e a proteção para esses automóveis faz parte das coberturas adicionais. Apesar de se falar muito em alagamentos, não são todos os clientes que necessitam de verdade de uma cobertura adicional dessas: ela precisa ser comprada quando o local onde esse proprietário mora tem alagamentos constantes ou quando existe esse inconveniente na localidade onde essa pessoa trabalha.

seguro automóvel

seguro de automóvel

Existem situações que o seguro de carro nunca vai cobrir?

Mesmo que as apólices sejam variáveis, alguns acontecimentos não costumam ser cobertos em nenhum tipo. Um desses riscos que a companhia seguradora não assume é a guerra, além da desobediência ao que a lei de trânsito estabelece. Mais uma situação em que os segurados não são assistidos são as competições.

O cliente que tem uma moto e também um carro pode adquirir unicamente o seguro auto?

Não. As companhias de seguros têm as coberturas apenas para as motos e os seguros auto dizem respeito unicamente aos aspectos do automóvel. Não importa se esse veículo é um SUV, se é um carro popular ou de qualquer tipo: todos podem ser cobertos, mas não é possível estender essa apólice para as motos.

No caso de os clientes quererem que os seus veículos automotores sejam protegidos, ele deverá adquirir duas coberturas diferentes e ter duas apólices diversas. Se essa pessoa contratar as duas na mesma corretora, há a possibilidade de que tenha algum tipo de desconto ou então de facilidade, mas serão sempre dois tipos de apólice.

O que acontece se o segurado quiser ir de uma seguradora para um banco?

As multas para as apólices interrompidas são as mesmas, ressaltando-se que o banco pode não ter as mesmas coberturas que a antiga corretora.

seguro para jeep

seguro para jeep


Cotação seguro de vida em grupo


O seguro vida possui riscos que são excluídos? Quais são eles?

Esse tipo de seguro possui alguns riscos que não são cobertos sendo que os principais são o manuseio e o uso de material nuclear, acidente nuclear e afins; tumultos, guerra e atos e operações de rebelião; doenças existentes antes do seguro ser contratado e que na declaração de saúde não foram informadas; suicídio cometido ainda dentro do período de carência; segurado ou beneficiário pratique algum ato ilícito doloso; lesões causadas em decorrência de esforço repetitivo, lesão que foi causada por trauma continuado entre outros.

O que significa capital segurado e morte natural?

O capital segurado dentro do seguro vida é a indenização que a seguradora deve pagar aos beneficiários do seu segurado. A morte natural é toda aquela que não é proveniente de um acidente como a que ocorre por infarto fulminante, por exemplo.

Enquanto o seguro vida estiver dentro do seu prazo de vigência o segurado pode fazer alguma alteração na apólice ou somente quando esse prazo terminar?

Qualquer alteração que o segurado queira fazer na apólice enquanto ainda está no prazo de vigência é possível desde que o segurado emita essa vontade por escrito. Quando se trata de seguro vida coletivo qualquer modificação que possa acontecer dentro desse período que resulte na perca ou redução das coberturas, que faça com que os membros arquem com um custo adicional precisa que ao menos três quartos da totalidade do grupo concorde e também emita por escrito essa vontade. As modificações somente podem ser aplicadas através de um termo que deve ficar com o contrato inicial e que sua confirmação se dê por meio de documento que a seguradora fornece comprovando que a apólice passou por alterações.

O seguro vida também pode ser contratado de forma coletiva. Mas como que é feita a sua renovação nesse caso?

Para que o seguro vida coletivo seja contratado é preciso que o grupo nomeie um representante. Ele não pode fazer qualquer modificação nas suas garantias de indenização nem aumentar as despesas para o grupo.


Simulação seguro de vida


Se acontecer do beneficiário se recusar a receber o valor do seguro vida quem tem direito a recebê-lo?

Vez ou outra acontece de um beneficiário não querer receber a indenização do seguro de vida. nesse caso, ele pode indicar expressamente quem que deve receber. Se essa indicação não for feita quem vai receber essa quantia é o cônjuge e os herdeiros.

Uma pessoa que consegue receber aposentadoria por invalidez através de instituições de previdência oficiais quer dizer que tem direito de receber indenização por invalidez com o seguro vida?

As instituições oficiais de previdência ou suas assemelhadas concedem a aposentadoria por invalidez em certas situações, mas isso não quer dizer que no seguro de vida tal estado fique comprovado, pois somente com declaração médica é que essa comprovação é possive.

Caso o segurado queira contratar dois, três ou até mais seguro vida isso é possível ou há algum impedimento?

Qualquer pessoa pode contratar a quantidade de seguros de vida que desejar, pois não tem nenhum tipo de limite quanto ao valor que será pago pela indenização. Cada uma das seguradoras que foi contratada deve realizar o pagamento da indenização conforme o valor do capital segurado e que consta no próprio contrato. A empresa pode perguntar ao segurado se ele possui contrato vigente do mesmo tipo de seguro em outra seguradora e é importante que a resposta seja verdadeira. Caso seja afirmativa a empresa pode solicitar informações relacionadas a ela como qual a seguradora que também foi contratada, por exemplo. Mas esse tipo de informação somente pode ser solicitada após a contratação ter sido firmada.

O prazo de vigência é realmente importante?

Esse prazo trata-se do período pelo qual a contratação do seguro vida tem validade. Assim, se acontecer algum sinistro como a morte acidental do segurado dentro desse período, por exemplo, seus beneficiários terão proteção financeira por causa da indenização que irão receber. Isso quer dizer que se no contrato estiver que a cobertura abrange perda de renda, falecimento, doença, incapacidade, desemprego ou qualquer outra questão que impeça o segurado de manter sua família e que o contrato esteja dentro desse prazo ele terá direito a receber essa proteção financeira.


Cotação seguro de vida para empresa de transportes


O que é um seguro vida?

Trata-se de uma garantia que as empresas seguradoras oferecem aos beneficiários de que realiza pagamentos mensais que são chamados de prêmios. A contratação de uma indenização financeira pode ser contratada para que seja paga caso a pessoa venha a falecer. Quem recebe são as pessoas que o próprio contratante indica no documento de contratação e que são chamadas de beneficiários. Para que essa contratação seja garantida é emitido um documento que pode ser chamado de certificado ou apólice.

Porque um seguro vida deve ser feito?

O objetivo de contratar esse tipo de seguro é fazer com que os impactos financeiros negativos que possam surgir em decorrência da morte do segurado sejam reduzidos. Assim são dadas condições para que os dependentes/familiares se reestruturem financeiramente após o segurado ter partido. Isso também vale para quando ele fica invalido. No entanto, esse cuidado pode não servir de nada caso os beneficiários não saibam da existência dessa contratação, em quais condições foi feito o contratado, qual lugar se encontra os documentos e a forma que devem agir caso tenha de solicitar a indenização.

Quais os tipos de cobertura existente no seguro vida?

A principal e obrigatória é a cobertura para os casos de morte que vai pagar aos beneficiários o capital segurado que está definido na apólice nos casos que o segurado morre naturalmente ou acidentalmente. A estrutura do seguro pode ter distinção nas coberturas básicas e adicionais. Mas é preciso que ou a cobertura por morte natural ou por acidente seja contratada. As coberturas mais comuns que existem são a de morte por acidente ou natural, invalidez permanente parcial ou total em decorrência de acidente, invalidez permanente total ocasionada por acidente, invalidez permanente causada por acidente majorada, invalidez permanente total em decorrência de doença, invalidez laborativa total e permanente causada por doença, despesas com hospitais, médicos e odontologia, diárias por internação hospitalar, diárias de incapacidade temporária e doenças graves. Quando há a combinação dessas coberturas produtos específicos passam a existir como o seguro educacional, prestamista, dotal e habitacional.

 



Seguro RCTR C


Cotação Seguro RCTR C

seguro para transportadora

seguro transportadora

O seguro de cargas é importante?

Todo tipo de seguro é importante, pois são eles que podem lhe passar mais segurança e tranquilidade no dia a dia, principalmente nos dias de hoje que a criminalidade é tão alta e existem tantos perigos nas ruas. O mesmo acontece com o seguro de cargas, ele é essencial para que as pessoas que contratam o serviço ou que esteja transportando uma carga tenha mais segurança e não precisem se preocupar caso algo aconteça.

Como posso saber o valor para um seguro de cargas?

Para poder saber o valor que deverá ser pago na apólice do seguro de cargas, você deve entrar em contato com o corretor de seguros ou com a seguradora para poder realizar um orçamento do serviço que você precisa. Cada seguradora cobra um valor pelo serviço prestado, além de que cada uma delas trabalha de uma forma, oferecendo garantias diferentes para os seus segurados.

Se você preferir, você pode acessar o site das seguradoras que você tem interesse e preencher o formulário para poder solicitar o orçamento do serviço que você planeja contratar.

seguros de cargas

seguros cargas

O que é o Seguro Transporte Nacional?

O seguro de transporte nacional é o seguro que irá garantir que o segurado tenha algumas situações cobertas, como: perdas e danos que forem sofridos quando as cargas forem transportadas em vagões ferroviários ou veículos de transportes rodoviários, ou então causados por colisão, tombamento e descarrilhamento, incêndio, capotagem, explosão, raio, inundação, roubo oriundo de assalto a mão armada, obras de arte de quaisquer natureza, caso o carregamento total do veículo desapareça ou ocorra extravio de volumes inteiros; água doce ou de chuva, amassamento, arranhadura, contaminação, amolgamento, contato com outras mercadorias, quebra, queda, derrame, vazamento, roubo.

Como posso saber o que o meu seguro cobre?

Cada apólice possui uma cobertura, seja ela básica ou mais completa, caso você queira incluir serviços adicionais que forem importantes para você. Isso faz com que cada apólice possua uma cobertura diferente, nesse caso, para que você possa saber o que o seu seguro cobre, você deve verificar o seu contrato ou então conversar com o seu corretor de seguros para que ele possa avaliar quais os serviços que estão previstos na sua apólice e quais os serviços que você não tem direito.

Assim que você assina o seu contrato você já tem acesso a todos os serviços que irão estar cobertos pelo seu plano, por isso é importante que você esteja atento a essa informação.

O seguro de cargas é obrigatório?

Isso irá depender do tipo de seguro, existem alguns que são obrigatórios enquanto outros são facultativos, ou seja, são de opção do cliente contratar ou não o serviço. No caso dos seguros obrigatórios, existem algumas opções: Seguro de Transporte Nacional que é obrigatório e deve ser contratado pelo dono da carga e o de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário de Carga, que deve ser contratado pela empresa que irá realizar o transporte, mas que só deverá cobrir os prejuízos que o transportador seja responsável.